21 de agosto de 2009

.agenda velha


Como eu estava aqui sem fazer nada, abri meu armário e encontrei umas agendas de uns três anos atrás. Eu já passei por tanta coisa, escrevi lá momentos que eu não me lembrava mais. Li sobre o dia que eu dei meu primeiro beijo, hahaha, foi horroroso, e claro, como qualquer garota que ainda acredita em príncipe encantado, eu me apaixonei pelo cara, era mais velho e tals, e depois de um tempo tentando e levando fora, um atrás do outro, ele começa a gostar de uma das minhas melhores amigas, hahaha, eu sofri tanto, até briguei com ela por causa daquele idiota... Hoje em dia ele namora uma amiga minha, que por acaso, mora no meu prédio.Vejam como o mundo é pequeno, não é?
E reli um dos maiores micos que já paguei: o dia do meu aniversário, mas precisamente dia 14/03/2006... Os caras do time de vôlei armaram pra mim... Combinaram de ir me dar parabéns todos juntos, formando uma fila... Foi ridículo,mas na hora achei um máximo, rs. Foi um dia e tanto. Havia um garoto do time de vôlei da minha escola em especial que eu amava de paixão... Aquela típica história que se passa em colégios americanos... a menina nerd e sem jeito apaixonada pelo cara mais velho do colégio e um dos integrantes do time da escola... o popular. É, pois é, só depois que passa o tempo a gente vê o que não quisemos enxergar antes, hoje fico com vergonha só de lembrar daquela fila!
No mesmo ano que ocorreram esses acontecimentos (2006), ocorreu também o meu primeiro show: Abc Pró Hc 06, onde foi a primeira vez que vi a minha banda mais querida, o NxZero. E foi exatamente nesse show, que o primeiro amor da minha vida surge. Foi uma história e tanto, pena que acabou... Momentos na escola, provas, primeiro dia de estágio, ano novo na casa da tia com a família e amigos, amores, desamores...
Nossa, tanta coisa já aconteceu, hahaha, é muito bom relembrar isso tudo. Só assim eu percebo realmente o tanto que eu cresci. Vi que não sou mais aquela menina tão ingênua e pura que escrevia naquelas folhas, não acredito mais em príncipe encantado em cavalo branco, não penso mais daquele jeito, não me visto mais daquela maneira, valorizo mais quem vive comigo.
Percebi que o tempo passa e que eu 'passo' junto com ele, mas não vou me esquecer nunca de que são esses momentos que me ajudam a crescer.

3 comentários:

Joy disse...

Que liindo!
Hehhee! É realmente engraçado quando a gente fica lendo coisas antigas e percebe quantas bobagens nos alegravam.. Às vezes perceber isso é bom ou ruim.
Gostei muito do post!
Bjo

adenilson disse...

é como diz a musik panela velha é q faz comida boa...
é agenda velha que se faz histórias boas.
o//
\o/
ótimo fds.
brigado pela força lá no blog.
grande abraço
e voltamos ao normal!
xD~

pequena disse...

Inda bem que a gente aprende né amiga rsss

bjocas flor e bom fim de semana! rs

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails