31 de janeiro de 2010

Essa brincadeira cansa, as vezes.


Quando me falavam que eu sentiria falta da escola, eu ficava brava e dizia: imagina, nunca mais quero voltar pra lá, com aquelas pessoas e pra aquela rotina chata!

Eu acreditava que a pessoa que estava me dizendo aquele absurdo estava fora de si, mas conforme os dias foram passando, percebi que é a mais pura verdade. Que saudades daquela sala de aula, daqueles professores chatos e da bagunça. Aquele clima na hora do intervalo, meus amigos, únicos seres humanos que aturavam meu mau humor matinal. Que falta fazem aqueles dias. Faz um ano já que tudo acabou, mas pelo menos ficaram lembranças boas e as amizades continuam.

Sinto falta também do meu estágio no Fórum, mais especificamente no 5º ofício cível. Sim, eu reclamava tanto, mas tanto das pessoas, do balcão lotado, dos advogados chatos mas... eu me divertia, e como! Acho que foi a época em que eu mais dei risada; as melhores risadas pelos melhores motivos, sempre. Mas acabou também. Depois fiz um ano de cursinho. Aulas infinitas e é claro, eu reclamava também. Mas foi lá que eu conheci pessoas especiais e amizades importantes. E os meus professores? Nossa, que saudades. Quanta palhaçada, quantas risadas, quanta coisa!

Mas agora já sou gente grande, tenho um trabalho de verdade, que por sinal, me deixa louca! Me da dor de barriga só de pensar que amanhã já tenho que ir pra lá. Sou "obrigada"a escutar cada coisa... O pior é que eu faço de tudo pra agradar mas nunca esta certo, nunca esta bom. Ele* só reclama e o que me deixa mais revoltada é que quando chega alguma visita, ele* cai de boca nos funcionários. "Pq fulano é isso, Sicrano é aquilo, elas fazem tudo errado, ninguém me ajuda e mimimimimimi". Não aguento isso, sabe? É exaustivo. E ainda tem gente que se acha melhor que os outros lá dentro. Que olha pra minha cara com um ar de ironia e um risinho debochado de canto de boca, como quem canta para si mesmo: "se fodeu, idiota!". Óbvio que se o meu pai tivesse uma ligação direta com o dono da bagunça e eu ganhasse mais de 1.000 reais por mês, a história já seria outra, mas como sou uma simples mortal, me mato naquele lugar e ouço coisas que eu não mereço ouvir. Desgasta conviver com gente que só reclama, com gente que acha que nada do que a gente faz esta bom, é chato, é irritante, é de cortar o coração. Quando eu tiver a oportunidade, vou despejar muita coisa em cima dessa gente. Quero dizer, como se fosse um conselho, que pelo amor de Deus, pra parar de reclamar, pq quanto mais se reclama, menos as coisas andam pra frente. As palavras tem poderes!

Eu também preciso parar com o drama, parar de reclamar e fazer as coisas acontecerem, parar de me lamentar pelas escolhas cretinas que eu fiz, agora nada mais pode fazer o tempo voltar atrás. Só eu posso fazer isso tudo valer a pena. É um aprendizado, coisas novas ainda estão por vir. Preciso aprender a andar com as minhas próprias pernas. Deus abre os caminhos, mas quem trilha sou eu! Preciso de força pra enfrentar tudo isso, não posso mais fraquejar. Vou levar tudo numa boa, sem me irritar, vou tentar não me irritar, pelo menos. Vou vivendo e resolvendo os problemas na hora em que eles aparecerem, nada de ficar sofrendo por antecipação. Calma, muita calma. Vai ser difícil, um processo doloroso, mas já que eu estou aqui, que pelo menos eu aprenda alguma coisa, né? Pra não errar da próxima vez.

As vezes brincar de gente grande cansa, machuca, corrói a gente e nossos pensamentos e a nossa alma mas... o show tem que continuar.

8 comentários:

Fe disse...

Quem sabe daqui a um tempo você não vai sentir falta desse emprego tbm, assim como sente do outro e da escola? A gente tem mania de só dar valor qndo perde né....

Mas uma hora as coisas vão melhorar, vc vai ver ;]

bjaooo.

Michelle Nazar disse...

O pior é justamente pensar em como não valorizamos cada pessoa e cada lugar da maneira mais adequada, e até quando o fazemos parece que tudo foi rápido demais olhando do hoje, não é mesmo?! Adorei o texto..até porque foi a primeira vez que passei por aqui..aprovado!!!! ;)

Priscila D' Von disse...

Estou conhecendo hoje o seu blog.

Adorei o seu texto, vou vir sempre pra cá.

Bjus

Priscila D'Von
www.cafedvon.com.br

KINHA disse...

Olá

O blog Amiga da Moda, está fazendo seu 1ºsorteio e ficaria muito feliz com sua participação. O brinde é uma fofura.Gostaria muito de contar com sua ajuda na divulgação. Beijo

http://amigadamoda.blogspot.com

Kinha

Duanny!. disse...

owwn..
que saudade do seu blog!

;D

amei o post. ♥

pequena disse...

Ai flor, é bom desabafar as vezes tbm viu?

bjo gigante e saudade de vc amiga!

me visita quando der tbm que vou ficar mega feliz rss

www.flornodeserto.blogspot.com

Thainá Vivas disse...

Nusss... todo mundo pensa assim né? Ai ai... xD Nunca vai mudar!
Adorei o texto... divino!
Bjks!!

Joy disse...

Estando em uma situação nós sempre vamos tender a julgá-la como a pior, quando algo ruim acontece. O que muitas vezes nos falta é capacidade pra observar as coisas por outro ângulo e crer o quanto os problemas te levam adiante.
O que seria do mundo sem problemas, hein?! O ser humano é movido à situações onde ele precisa ter criatividade para criar soluções!


um beijo enorme

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails