5 de fevereiro de 2010

Amado.


Amado
Vanessa da Mata

Como pode ser gostar de alguém/ E esse tal alguém não ser seu/ Fico desejando nós gastando o mar/ Pôr-do-sol, postal, mais ninguém/ Peço tanto a Deus/ Para lhe esquecer/ Mas só de pedir me lembro/ Minha linda flor/ Meu jasmim será/ Meus melhores beijos serão seus/ Sinto que você é ligado a mim/ Sempre que estou indo, volto atrás/ Estou entregue a ponto de estar sempre só/ Esperando um sim ou nunca mais/ É tanta graça lá fora passa/ O tempo sem você/ Mas pode sim/ Ser sim amado e tudo acontecer/ Sinto absoluto o dom de existir/ Não há solidão, nem pena/ Nessa doação, milagres do amor/ Sinto uma extensão divina/ É tanta graça lá fora passa/ O tempo sem você/ Mas pode sim/ Ser sim amado e tudo acontecer/ Quero dançar com você/ Dançar com você/ Quero dançar com você/ Dançar com você.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails