30 de março de 2010

Um Simples Abraço

-

Um Simples Abraço - Nando Reis

Sou uma colher e o seu prato está virado,
você não vai comer ?
Sou lá fora o frio. Seu casaco está guardado
você não vai passar em casa ?

E agora que eu amo você
O mundo não precisa nunca mais girar
Porque agora que eu amo você
Se eu amo
Você.

Sou uma avenida e o seu carro está parado
você não vai sair?
Sou um temporale os seus lábios estão fechados
mas se você sorrir eles se abrem.
O que você precisa? Se você precisar.
Uma margarida comum um beijo ou um simples abraço
que é pra você lembrar de mim.

s2

29 de março de 2010

Não sabia que isso poderia ser tão forte...

-

Eu já senti saudades. Acho que é um dos sentimentos mais bonitos, mas também é o mais cruel de todos. Relembrar dos momentos é bom e meio melancólico... Já senti saudades e sinto até hoje de tanta coisa. Mas eu acredito que só senti tão forte uma vez, quando perdi uma pessoa por orgulho, mal entendidos e afins... A última notícia que eu soube foi que essa pessoa já vai formar sua própria família... Fiquei de cara com a notícia, mas... A saudade passa e a gente esquece com o tempo, não completamente, aliás, eu diria mesmo é que sofremos menos quando o tempo entre o acontecimento e onde estamos agora aumenta.
Mas acontece que, ultimamente, quer dizer, há mais ou menos dois meses para ser mais exata, sinto isso novamente. Posso estar me precipitando em declarar isso assim, mas eu sou desse jeito: intensa quando gosto de alguém. Me dedico de coração mesmo! Não gosto da distância, como já disse, tenho medo de que faça as coisas mudar, mas acredito que isso não vá acontecer, tenho fé. Só... que a saudade é tanta, mas tanta que chega a ser infinita. A vontade de estar junto é cada dia maior. O desejo de estar nos braços dele, sentindo cada abraço, cada batida do coração é enorme, é simplesmente inexplicável. Quero que as próximas duas semanas passem rápido, muito rápido, tipo, vo-an-do!
Ai, eu não sabia que seria tão difícil, mas nada que eu não possa suportar. Posso tudo com ele e acredito (espero) que ele pense o mesmo.

s2


"A melhor parte de mim, leva o meu caminho até você
Isso é o que me deixa mais forte, me faz tão bem, me faz tão bem
Que perco o medo e me sinto melhor
Já posso enfrentar todos os meus problemas (...)
A sua presença já me faz tão bem
Eu não vejo a hora de te ver sorrir (...)"

(NxZero - Melhor Parte de Mim)


28 de março de 2010

Só para desabafar...

-

Desde ontem a tarde um sentimento ruim tomou conta da minha cabeça e do meu coração. Pela manhã estava feliz, depois de ter participado de uma reunião sobre uma coisa que com certeza vai me fazer bem. Na volta para casa também estava tranquila, mas foi só chegar no portão que esse sentimento parou em mim como uma nuvem carregada de chuva pronta pra cair a qualquer momento. Comecei a me perguntar porque as pessoas são tão frias, orgulhosas... Aquele assunto já havia saído dos meus pensamentos, eu já havia me afastado, mas parece que algumas pessoas fazem questão de me lembrar a todo segundo que estão presentes e que podem me 'vigiar' sempre que quiserem. Me sinto no Big Brother! Mas tudo bem, isso é um detalhe. Li uma frase ontem que cai como uma luva para essa situação na qual me encontro: "Trata cada situação stressante como se fosse um cachorro: se não puderes comer ou brincar com a coisa, simplesmente afasta-te!". Perfeito e é isso que eu vou fazer... Me afastar de pessoas desse tipo, e me importar somente com os que são verdadeiros comigo! Fim desse assunto!

Mas tem um alguém que eu não quero ficar longe. Não é drama, não é tempestade em copo d'água, até porque, não vejo absolutamente nada de ruim em querer cuidar dos sentimentos bons que eu tenho vivido nos últimos dias e querer me dedicar de corpo e alma quando eu gosto de alguém. Esta sendo bom, divertido, e acima de tudo, verdadeiro pela nossa sinceridade um com o outro. Tenho medo de que a distância acabe me tirando isso e que o tempo leve ao esquecimento. Tenho medo de que não tenhamos mais 'as chances'. Confiar é a palavra-chave mas mesmo assim, fico preocupada e com um aperto no coração. 'Não quero que você pense que eu não quero estar com você, ou que não me importo com o que temos e com o que estamos vivendo... É horrível essa distância entre nós, mas se passar por isso agora, vai nos ajudar futuramente, então tá! Eu confio em você assim como você confia em mim. Só quero que fique claro o motivo de minha preocupação... Ficar três dias sem a minha família, e ainda em um lugar onde não conheço nada, é difícil. Minha família não ficaria tranquila, e nem eu ficaria, sabendo que eles estão, o mínimo que seja, preocupados comigo, por esse motivo eu resolvi atender o que minha cabeça pede e não o que meu coração deseja. Temos tempo, eu sei que temos, só não gosto da ideia de perder a chance de estarmos juntos.'
Duas semanas passa depressa... Por isso fecho os meus olhos agora e em uma pequena oração peço ao meu Deus que cuide de nós dois e que não deixe que o tempo leve ao esquecimento e sim que aumente os nossos sentimentos e os intensifique cada vez mais.

s2
P.s: escrever isso, colocar esse sentimento pra fora me
emocionou. Lágrimas escorreram pelo meu rosto mas
a sensação de estar mais aliviada chegou a mim.
Ser sensível hoje em dia é difícil, ninguém entende!

26 de março de 2010

Panorama

-
Forfun - PANORAMA
(Nícolas César, Vitor Isensee, Rodrigo Costa e Danilo Cutrim)

Vivemos rente aos trópicos
Onde as águas de Março costumavam fechar o verão
Alimentamos pensamentos utópicos
E usamos a biodiversidade como fonte de inspiração
Vejo uma senhora vendendo balas em frente ao metrô
No campo, máquinas substituem o agricultor
Imagino como era tudo no tempo do meu avô
Quando não existiam telefones celulares, garrafas pet e nem isopor
Dos bangalôs da Tailândia aos barracos do Vidigal
Dos iates em Ibiza aos soundsystems em Trenchtown
Há algo que move a todos com a mesma força vital
A busca da felicidade e a realização pessoal
Se canta com força, com força a vida
Mantém essa chama que há em você no peito contida
De relance me vejo pedalando um camêlo
Coqueiros e areia em primeiro plano e ao fundo um navio petroleiro
Calotas polares derretem e modificamos códigos genéticos em nome da ciência
O Homo se diz Sapiens, mas o que mais lhe parece faltar é a sapiência
Que o espaço-tempo é curvo,
Einstein provou a partir de um lampejo
Realmente não sei se o que você chama de verde é a mesma cor que eu vejo
Alheia a isso, a maioria continua exaltando o luxo e a propriedade privada
Esquece que caixão não tem gaveta
E que dessa passagem, a aprendizagem é a única bagagem levada
Mas há crianças, há sorrisos, há o Maraca domingo
O panorama não agrada, mas não há porque se desesperar
Pela simples noção de que é uma dádiva estar vivo
De que os caminhos são lindos, e é necessário caminhar
Se canta com força, com força a vida
Mantém essa chama que há em você no peito contida
Se canta com força, com força a vida
Mantém essa chama que há em você no peito contida

23 de março de 2010

Nas nuvens.

-

Já fazia um tempo que eu não me sentia assim, tão... feliz! É bom gostar de alguém e saber que esse alguém te corresponde. É lindo, é puro, é bonito, é bom. Não vou dizer que isso não me assusta e que não tenho medo, pelo contrário, as vezes me pergunto se é possível uma coisa tão boa assim ser real. Mas eu me pergunto também: porque não? E porque não comigo? Afinal, eu mereço, oi!
O dia fica muito mais bonito, as cores mais vivas, a vontade de fazer o dia valer a pena fica maior! Tudo isso, todos esses sentimentos em tão pouco tempo... Mas agradeço a Deus todos os dias por ter alguém especial, que se importa comigo, que esta do meu lado, e por estar sentindo o que eu sinto. E peço a Deus também que me guie, que cuide dos meus passos e que me ajude a manter os pés no chão, pois não quero sofrer, só quero viver esse sentimento e aproveitar MUITO BEM o MELHOR momento da minha vida!
"(...) Por enquanto, sorria e saiba o que eu sei eu te amo
É bom se apaixonar, ficar feliz, te ver feliz me faz bem
Foi bom se apaixonar, foi bom, e é bom, e o que será?
Por pensar demais eu preferi não pensar demais dessa vez..."
(Nando Reis - Dessa Vez)

17 de março de 2010

"Eu preciso muito muito de você...

-

...eu quero muito muito você aqui de vez em quando, nem que seja muito de vez em quando, você nem precisa trazer maçãs nem perguntar se estou melhor, você não precisa trazer nada só você mesmo, você nem precisa dizer alguma coisa no telefone, basta ligar e eu fico ouvindo o seu silêncio, juro como não peço mais que o seu silêncio do outro lado da linha ou do outro lado da porta ou do outro lado do muro. Mas eu preciso muito muito de você."

15 de março de 2010

Baby, eu queria.

-

Baby, eu queria.
Composição: Nando Reis

Baby eu queria só te ver, hoje
Ver os seus olhos
Sentir o calor intenso das suas mãos
Baby eu queria
Que você fosse não
Baby eu queria te dizer, agora
Você vai embora
Levando o vapor e o vento das suas mãos
Baby eu queria
Ir nesse avião
Não quero deixar que
a tristeza inunde o meu coração
Prefiro chorar
Com a certeza
De que essa paixão
Me fez
Um homem melhor
Depois de você
Baby eu queria te beijar, de novo
Sentir os seus lábios
E o sabor no silêncio da respiração
Baby eu queria
Ser o seu violão
Baby eu queria ficar com você, pra sempre
Ficar do seu lado
Ser seu amor eterno sua paixão
Baby eu só queria
Te dar a mão

14 de março de 2010

Apesar de tudo, as vezes a gente se arrepende.

-

No momento em que as coisas esquentam, mas dessa vez no mal sentido, perdemos a cabeça e falamos coisas pra alguém de outras pessoas que são verdades mas que não precisariam necessariamente ser ditas aos quatro ventos, mas somos humanos e não um computadores que armazenam N dados e não contam pra ninguém, muito pelo contrário, precisamos desabafar se não acabamos enlouquecendo. Mas nada como um dia após o outro e quando a poeira abaixa e a raiva passa, tudo dentro de nós volta ao normal e nos acalmamos e só então percebemos que nem tudo devemos dizer, que mesmo com essas situações, não vale a pena o desgaste de falar de alguém. Eu me arrependi um pouco e não tenho vergonha nenhuma em admitir. Sem querer me gabar, mas sou muito boazinha, tive boa criação, não sei ser de outro jeito e não me importar com as coisas ruins que acontecem, pois me incomodam. Apesar de tudo, as vezes a gente se arrepende de falar uma coisinha ou outra, mas só Deus sabe que não fazemos por mal... Todo mundo fala mesmo! Rs.

Hoje é o meu dia!


Antes essa data parecia ser mais mágica e mais emocionante, mas enfim, acho que era coisa de criança. Ah, mesmo assim não deixa de ser legal e único... Mas chegou, finalmente chegou 14 de Março, o meu aniversário! Ai é aquela coisa, né? Todo mundo liga, desejando muitas felicidades e tudo o mais...É muito bom ser lembrada com carinho pelo menos um dia durante o ano, hahahahaha. 19 anos... Esta bom já, né? Não preciso mais que isso! :D Espero que daqui pra frente seja só alegria, com muito aprendizado!

Enfim, parabéns para mim, uhul! \o/

12 de março de 2010

Eu só quero um amor.


De uma coisa eu sei, eu sei porque estou aprendendo. Eu sonhei muito com o dia em que eu encontraria o meu principe encantado. Via em tantos filmes e pensava que na minha vida seria igual. Pensava que eu iria conhecer um garoto lindo, super popular, que ele me convidaria pro baile do colégio e de lá sairiamos devidamente comprometidos. Mas como eu sempre falo, o tempo passa, né? E fui conhecendo as pessoas como elas realmente são, ou... como deveriam ser, e vi que essa história de príncipe não é real, ninguém é perfeito, e o baile do colégio nunca chegou e nem vai chegar.
Ok, o príncipe pode até existir, mas não tem absolutamente nada a ver com aqueles dos filmes. Ele não vai ser cara mais popular, o mais bonito, o mais rico e nem o que vai me convidar pro tal baile (ta vai, pode até ser, afinal, as garotas de sorte estão por toda parte). Mas vai ser aquele que vai me fazer rir, que vai me apoiar em tudo o que eu quiser fazer, que vai estar comigo em todos os momentos. É aquele que eu vou achar bonito em todos os sentidos, independente da opinião das pessoas.
Eu só quero um amor, sabe? Alguém que vai me aceitar como eu sou, com meus defeitos mas exaltando minhas qualidades. Quero alguém que olhe para a minha alma e não só para o meu corpo. Quero alguém que se dedique de coração e não só porque esta junto e acabou. Quero alguém que se preocupe com os detalhes pequenos... As vezes ganhar um bombom ou uma flor fazem toda a diferença. Alguém que ligue só para perguntar como esta sendo meu dia ou pra dizer que sente saudades. Quero alguém pra andar por ai de mãos dadas ou até mesmo para ficar em casa de bobeira. Eu quero um amor pra chamar de amor, eu quero um amor pra chamar de meu!

9 de março de 2010

Só pra agradecer.


Ai gente, estou tão feliz de ver que o Olhando as Estrelinhas esta com cada vez mais seguidores! MUITO obrigada aos que comentam e aos que passam por aqui sempre pra dar uma olhadinha, são vocês que fazem eu querer continuar com esse meu mundinho que eu amo! Vocês são tão lindos! Sintam-se abraçados e beijados! :) E olha, eu passo sempre quando dá no Blog de vocês, não estranhem se eu sumir... Eu sempre acabo voltando mesmo, hehehehe!

Beijos delicias,
boa semana! ;*

P.s: Continuem olhando as estrelinhas... *-*

8 de março de 2010

Frágil...


...você tem tanta vontade de chorar, tanta vontade de ir embora. Para que o protejam, para que sintam falta. Tanta vontade de viajar para bem longe, romper todos os laços, sem deixar endereço. Um dia mandará um cartão-postal de algum lugar improvável. Bali, Madagascar, Sumatra. Escreverá: penso em você. Deve ser bonito, mesmo melancólico, alguém que se foi pensar em você num lugar improvável como esse. Você se comove com o que não acontece, você sente frio e medo. Parado atrás da vidraça, olhando a chuva que, aos poucos começa a passar.


(Caio Fernando Abreu)

Esse cara, acho que ele lê meus pensamentos...

6 de março de 2010

Só preciso dizer que...


...todos os dias, eu tento tirar de dentro de mim todo esse sentimento ruim, essa raiva, essa angústia que me tira o sono tranquilo as vezes, mas não estou tendo muito sucesso. Já perdi as contas das noites mal dormidas, acordando toda hora, virando na cama de um lado pro outro e tendo sonhos ruins. Fico pensando nas coisas, no que eu poderia ter dito e não disse, no que eu deveria ter calado ao invés de gritar aos quatro ventos...
Porque o tempo tem que passar? Eu não quero crescer, eu não quero conhecer aquele mundo sujo lá fora, eu não quero fazer parte daquilo que eu vejo todos os dias, eu tenho medo. Não quero sair, não quero sair de dentro desse meu mundinho utópico em que eu me enfiei e preguiçosamente me acomodei... Talvez eu esteja tentando encontrar alguém em quem colocar a culpa por eu ser desse jeito, tão fechada, quieta, inconstante, medrosa, revoltadinha, melancólica, sozinha, 'inaproximável' (nem sei se existe essa palavra, acho que não G_G, enfim...), tão... tão, sei lá!
Odeio quando escuto meu coração e meu orgulho idiota, faço as coisas e depois eu é quem saio como a vilã da história, eu sou a mal educada que não liga, que não se importa! Mas Deus sabe os motivos pelo qual tenho agido de algumas maneiras, e alguém do outro lado também deveria saber. É nessas horas que eu percebo que é verdade quando dizem que na hora que você acerta, ninguém lembra e ninguém reconhece, mas você faz UMA cagada, e TODO MUNDO vê, todo mundo fala, todo mundo critica! É fácil ver o erro dos outros, se fazer de coitada pra sair como a rainha, bater no peito dizendo ser melhor que todo mundo, que é de nível e vários outros blablablás, mas na hora de reconhecer o próprio erro, ai é que o bicho pega, né? Mas tem gente que não consegue ver o mundinho além de seu próprio umbigo! AI COMO ISSO ME IRRITA! Não é inveja, não é recalque, porque eu não preciso disso. Não passo fome, tenho pai e mãe, tenho casa, cama, comida, roupas, etc.! Mas sabe, eu nem falo nada, eu fico quieta, sabe porque? Porque eu tenho PRE-GUI-ÇA de pessoas do tipo que eu tenho que ver todo dia! PRE-GUI-ÇA! Isso que me desanima, vai ver é por essas e outras que eu não sinto ânimo e nem vontade de fazer as coisas...
Quando eu estou conseguindo me colocar de pé, quando eu estou conseguindo reformular minhas ideias, quando eu estou conseguindo ir pra frente, parece que a energia dessas pessoas, a energia ruim gruda em mim como carrapato e pronto, perco tudo... Volto pra mesma de onde já não consigo sair há um bom tempo. E isso, essas minhas atitudes deve ser o ápice de felicidade pra quem assiste! Mas quem nunca desanimou na vida... que atire a primeira pedra, querida!
Apesar disso tudo, eu ainda acredito que o tempo vai curar esses meus recentimentos... Já curou tantas, um a mais não vai ser tão difícil! O mundo gira fdp (Y), e amanhã é outro dia...
Ok, me sinto um pouco melhor por ter dito tudo isso, doa a quem doer.
Preciso pensar...

5 de março de 2010

O Menestrel.


Depois de algum tempo você aprende a diferença, a sutil diferença entre dar a mão e acorrentar uma alma. E você aprende que amar não significa apoiar-se. E que companhia nem sempre significa segurança. Começa a aprender que beijos não são contratos e que presentes não são promessas. Começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e olhos adiante, com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança. Aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão. Depois de um tempo você aprende que o sol queima se ficar exposto por muito tempo. E aprende que, não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam… E aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai feri-lo de vez em quando e você precisa perdoá-la por isso. Aprende que falar pode aliviar dores emocionais. Descobre que se leva anos para construir confiança e apenas segundos para destruí-la… E que você pode fazer coisas em um instante das quais se arrependerá pelo resto da vida. Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias. E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem na vida. E que bons amigos são a família que nos permitiram escolher. Aprende que não temos de mudar de amigos se compreendemos que os amigos mudam…Percebe que seu melhor amigo e você podem fazer qualquer coisa, ou nada, e terem bons momentos juntos. Descobre que as pessoas com quem você mais se importa na vida são tomadas de você muito depressa… Por isso, sempre devemos deixar as pessoas que amamos com palavras amorosas; pode ser a última vez que as vejamos. Aprende que as circunstâncias e os ambientes têm influência sobre nós, mas nós somos responsáveis por nós mesmos. Começa a aprender que não se deve comparar com os outros, mas com o melhor que pode ser. Descobre que se leva muito tempo para se tornar a pessoa que quer ser, e que o tempo é curto. Aprende que não importa onde já chegou, mas para onde está indo… mas, se você não sabe para onde está indo, qualquer caminho serve. Aprende que, ou você controla seus atos, ou eles o controlarão… e que ser flexível não significa ser fraco, ou não ter personalidade, pois não importa quão delicada e frágil seja uma situação, sempre existem, pelo menos, dois lados. Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer, enfrentando as conseqüências. Aprende que paciência requer muita prática. Descobre que algumas vezes a pessoa que você espera que o chute quando você cai é uma das poucas que o ajudam a levantar-se. Aprende que maturidade tem mais a ver com os tipos de experiência que se teve e o que você aprendeu com elas do que com quantos aniversários você celebrou. Aprende que há mais dos seus pais em você do que você supunha.Aprende que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos são bobagens…Poucas coisas são tão humilhantes e seria uma tragédia se ela acreditasse nisso.Aprende que quando está com raiva tem o direito de estar com raiva, mas isso não te dá o direito de ser cruel. Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer que ame não significa que esse alguém não o ama com tudo o que pode, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar ou viver isso. Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém… Algumas vezes você tem quee aprender a perdoar a si mesmo. Aprende que com a mesma severidade com que julga, você será em algum momento condenado. Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o conserte. Aprende que o tempo não é algo que possa voltar. Portanto, plante seu jardim e decore sua alma, em vez de esperar que alguém lhe traga flores. E você aprende que realmente pode suportarque realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais. E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida! Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o bem que poderíamos conquistar se não fosse o medo de tentar.


(William Shakespeare)

Mais perdida que cego em tiroteio.


Tem dias, semanas e até meses em que não acontece absolutamente nada de memorável na minha simples vida de mortal, mas ai de repente, cá estou eu, correndo feito uma doida, com um monte de coisas na cabeça! Coisas da faculdade pra fazer, que aliás, quem pensa que Turismo é só viagem e ficar na vida mansa, esta muitíssimo enganado, estou penando por aqui, haha, enfim, foi só um p.s. Assuntos familiares que eu nem falo nada pra evitar a fadiga, tenho preguiça de opinar nesses casos... Melhor ir falando aos poucos do que despejar tudo de uma vez. Briguinhas e mágoas com pessoas que, em algum momento foram importantes mas que hoje em dia já não fazem muita diferença, sem querer ser leviana, mas já sendo, hoho. Coisas do meu ex-trabalho que ainda me assombram, mas pelo menos, no meio de tudo isso, ainda tem uma coisa boa (aliás, duas, rs), uma delas é o meu aniversário que esta chegando, faltam só 9 dias e farei 19 anos, não é legal? *-* Esse ano estou a fim de sair, chega de festinhas em casa, a última foi no meu aniversário de 18 anos, mas essas coisas dão muito trabalho ainda mais pra mim que não sei organizar esses eventos. E a outra coisa boa... nem eu tenho muito conhecimento sobre isso ainda, só sei que me sinto bem com relação a isso, talvez seja algo pra vida toda* (ele sabe do que estou falando), mas deixo em off, fikdik.
Não sei explicar ao certo como eu estou me sentindo, digamos que meio em cima do muro: uma hora feliz e rindo mas em outros momentos, um pouco melancólica e depressiva, e confesso que esses momentos estão sendo os mais frequentes ultimamente... Vai entender, ? Por enquanto poucas coisas estão saindo como eu quero, mas tenho fé que logo os ventos voltem a soprar a meu total favor, hoho². As vezes tenho vontade de sair correndo sem olhar pra trás sem saber pra onde estou indo, como eu nunca sei, nesses casos, qualquer caminho serve...

2 de março de 2010

Versos de orgulho.

-

O mundo quer-me mal porque ninguém
Tem asas como eu tenho!
Porque Deus
Me fez nascer Princesa entre plebeus
Numa torre de orgulho e de desdém.
Porque o meu Reino fica para além...
Porque trago no olhar os vastos céus
E os oiros e clarões são todos meus!
Porque eu sou
Eu e porque
Eu sou Alguém!
O mundo?
O que é o mundo, ó meu Amor ?
__O jardim dos meus versos todo em flor...
A seara dos teus beijos, pão bendito...
Meus êxtases, meus sonhos, meus cansaços ...
__São os teus braços dentro dos meus braços,
Via Láctea fechando o Infinito.

(Florbela Espanca)

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails