5 de abril de 2011

O Caderno

-

Vou contar um segredo: há alguns anos atrás, quando eu tinha daquelas loucuras de amar e não ser correspondida, eu amava tanto... era tanta paixão, tanta... coisa (!), mas eu não tinha pra quem falar tudo o que eu queria falar, então, resolvi que escreveria e procuraria coisas que falassem por mim, e escreveria em um caderno... Foi o que eu fiz. Peguei um caderno com folhas lisas, em branco, com uma capa amarela cheia de patinhas de cachorro desenhadas, e comecei a escrever... E foram vários e vários poeminhas, muitas frases de amor, muitas letras de música (algumas revoltadas). E um dia, eu resolvi que daria um toque especial nele, um toque Marcella. Já que eu amo chocolate e amo o amor, e amo amar, porque não colocar tudo junto? De que jeito? Bom, comia os chocolates [é claro], que fingia ter ganhado de alguém importante, e guardava o papel... O colava nas folhas do caderno, dando um ar doce, bem de menina mesmo. O tempo passou, e até que eu acabei de completar o caderno. Eu o lia, relia, relia... Imaginando como seria ter alguém que pudesse me ouvir declarar aquelas coisas, mas ele acabou ficando escondido ali, largado em um canto qualquer do meu armário. Eu cresci, o tempo passou de novo, muitas coisas aconteceram, e hoje eu posso dizer com mais certeza que ontem, que eu, felizmente, ganhei como presente de Deus, uma pessoa especial, que com certeza, vai estar disposto a ver tudo o que eu escrevi ali. Eu sei que ele vai entender e sentir cada frase, cada poema...
Não é um grande presente, deve ter erros de Português, a letra não era tão bonita e caprichada, talvez algumas coisas e sentimentos estejam meio misturados, mas que o desconto seja dado, menos de 16 anos eu devia ter... É  fase em que tudo se perde dentro da gente, é o momento que tudo fica mais confuso e tudo é sentido ao mesmo tempo, com uma intensidade tremenda. Amor, alegria, tristeza, sorrisos... (Sorrisos eu sei que tem, porque eu escrevi até uma seleção de 35 frases sem vergonha, hehe). Mas com certeza é algo carinhoso e muito valioso pra mim.
Olha só, como Deus sabe das coisas. Talvez Ele fez com que eu preparasse o caderno e tudo o mais, pra entregar a alguém que realmente vá se importar, por ser uma pessoa sincera e verdadeira com os meus sentimentos, que independente do que estiver escrito lá, vai dar valor, por menor frase que seja.


Em uma boa oportunidade, este seria um bom presente, né?

3 comentários:

Lipe Carneiro - Worshiper disse...

Eu não tenho nem o que dizer... Amor, vc é uma benção que Deus colocou na minha Vida. Eu te amo demais....

Clara disse...

Certamente é um presente lindo, como se você desse uma parte de você. Eu amaria ganhar! rs

mila disse...

Nossa, que lindo. Qualquer um amaria ganhar, deve ser tão doce e fofo :3

beijos!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails